Dicas úteis

Como remover o fone de ouvido em casa? Tampões de enxofre nos ouvidos - o que fazer?

Com o acúmulo contínuo de enxofre na abertura do ouvido, ele ameaça bloquear completamente o canal auditivo. A doença afeta não apenas os aposentados, mas também os grupos de jovens e até crianças da população (o risco de congestionamento aumenta em crianças após o ARVI).

Preparação de lavagem

Não é difícil se livrar de um plugue de ouvido que se conecta. O bloqueio auricular não iniciado é eliminado por métodos que podem ser aplicados em casa.

Antes de iniciar o procedimento de remoção da cortiça, vale a pena executar as medidas preparatórias. Por dois a três dias, para um procedimento mais eficaz, vale a pena cavar no ouvido as seguintes substâncias: você pode usar 3% de peróxido de hidrogênio ou uma solução fraca de refrigerante (uma colher de chá de 20 mililitros de água), óleo vegetal (refinado) também é adequado ou glicerina. A dosagem do medicamento é de 4-6 gotas, a instilação é realizada várias vezes ao dia.

Após a instilação, a orelha é tapada com um pedaço de algodão. Tais eventos, realizados durante vários dias, reduzirão a densidade da cortiça e a amolecerão.

Enxaguar com seringa

É tomada uma seringa comum, sem agulha e água morna. A seringa está cheia de água e não afunda muito fundo no canal auditivo. Em seguida, a pressão da água é liberada. Depois - a cabeça se inclina para um lado, devido ao qual a água flui para fora da orelha, lavando a rolha com ela. O final do procedimento será uma limpeza profunda da orelha com um pano macio.

O procedimento é diário, seu curso é de uma semana. Durante este período, a cortiça é completamente lavada com líquido.

Enema

Para o procedimento, você precisará de peróxido de hidrogênio, um enema médio em tamanho. O primeiro passo é a pessoa em cujo ouvido um plug se formou, por conveniência, é colocado de lado. Em seguida - instile 3 gotas de peróxido em um ouvido entupido. O peróxido no ouvido dilui o acúmulo de enxofre. Vale a pena esperar 5 minutos sem alterar a posição do corpo para obter o efeito máximo de amolecimento. Cinco minutos depois, a água quente é aspirada para o enema.

O enema não penetra profundamente no ouvido (inclina-se contra o conduto auditivo - não precisa mais).

Ele deve ser comprimido o máximo possível para criar uma pressão poderosa.

Partículas de cortiça durante esta ação serão descarregadas da aurícula junto com a água infundida.

Se, no final do procedimento, uma pessoa ainda sentir desconforto e sua audição não for totalmente restaurada, a cortiça não será completamente removida. Nesse caso, a lavagem é realizada várias vezes até que os sintomas desagradáveis ​​deixem de incomodar.

Lavagem da mangueira de chuveiro

Se você não conseguir se livrar dos engarrafamentos pelos métodos anteriores, o canal auditivo estará muito bloqueado.

Nesse caso, enxaguar com enxofre ajudará a enxaguar com uma mangueira de chuveiro sem um bico de spray.

Para não causar danos mecânicos ao tímpano, é importante não exagerar com o aumento da pressão.

A mangueira se aproxima do ouvido, a água morna é ligada. A pressão aumenta gradualmente. O procedimento é altamente eficaz, permitindo ao mesmo tempo a eliminação do bloqueio de enxofre em casa. Imediatamente após o procedimento, a audição é restaurada e os sintomas desagradáveis ​​desaparecem.

Métodos de Farmácia

As campanhas farmacêuticas desenvolveram uma cura para os tampões para os ouvidos. A concorrência entre empresas criou vários medicamentos, cujo uso ajudará a remover a cortiça da orelha entupida, mesmo em uso doméstico.

Nome do medicamentoAcçãoCusto
Peróxido de hidrogênioUma ferramenta universal que limpa o canal auditivo dissolvendo o enxofre acumulado no local. Não pode ser usado com tímpano danificado. Antes de usar, é aquecido à temperatura corporal.60-65 rublos
Remo-WaxUm remédio comum prescrito em casos graves e prolongados de bloqueio do ouvido. O princípio da ação é a remoção de partículas moribundas, o amolecimento das acumulações de enxofre. Além da retenção de umidade, o que ajuda a limpar a passagem e a hidratar. A composição não inclui substâncias potentes e antibióticos.De 290 rublos
VaxolUma alternativa ao medicamento anterior. Sua característica é um efeito de longo prazo, impedindo o aparecimento de protetores de ouvido no futuro. Por esse motivo, também é utilizado para fins preventivos. Seu principal componente é o azeite farmacêutico, que hidrata o canal auditivo e suaviza o congestionamento de enxofre.1200 rublos
A-TserumenUma ferramenta popular merecida que provou ser eficaz na prática. O medicamento também pode ser usado na remoção de plugues em crianças. O princípio de amolecimento e hidratação fornecido pelo medicamento é baseado na presença de surfactantes na composição de surfactantes,A partir de 250 rublos

O uso independente desses medicamentos não é difícil e não requer conhecimentos e habilidades especiais.

As instruções necessárias que detalham o procedimento estão anexadas à embalagem do medicamento.

Se estiver planejado limpar a orelha da criança, é necessário verificar com o farmacêutico na farmácia se é permitido o uso do medicamento comprado para crianças.

Para os mesmos fins, podem ser usadas gotas que contêm um antibiótico. Tais gotas são comumente usadas no tratamento da otite média, mas também podem ajudar na remoção de enxofre acumulado.

Removendo com velas

Uma maneira de eliminar a cortiça, comprovada por muitas gerações e tornou-se tradicional. Além do efeito principal - limpeza do canal auditivo, os tampões aquecem todo o aparelho auditivo.

Eles podem ser eliminados usando o seguinte algoritmo:

  • um homem com a orelha entupida está de lado,
  • um guardanapo é colocado no ouvido, no qual um pequeno orifício foi feito,
  • o pavio da vela é incendiado e seu fundo é aplicado à orelha,
  • no processo de queima de uma vela, o acúmulo de enxofre diminui devido ao aumento de sua temperatura,
  • quando a vela queima até um ponto crítico, ela deve ser extinta e a rolha restante removida com cotonetes e guardanapos,
  • por 30 minutos, um pedaço de algodão é inserido no ouvido limpo para evitar um resfriamento muito acentuado,
  • se o segundo ouvido estiver bloqueado, o procedimento será repetido nele.

As velas são compradas em qualquer farmácia a um preço barato (geralmente de 30 a 40 rublos). O método mostra uma excelente relação preço e efeito positivo.

Várias variações de métodos para eliminar a obstrução do canal auditivo certamente lidarão com o problema emergente por conta própria. Seguindo as instruções e escolhendo o método apropriado, você pode retornar facilmente uma audição saudável e completa e livrar-se de sensações desconfortáveis.

Tampão para os ouvidos - o que é?

O tampão para os ouvidos é uma formação que se forma dentro do canal auditivo a partir de substâncias secretadas por glândulas específicas. Essa estrutura consiste em gorduras (incluindo colesterol), proteínas, ácido hialurônico (esta substância retém água), enzimas, células epiteliais mortas do canal auditivo. A composição contém lisozima e imunoglobulinas - essas substâncias fornecem proteção contra infecções.

As principais razões para a formação de engarrafamentos nos ouvidos

Muitas pessoas estão interessadas em como remover o protetor auricular em casa. Mas vale a pena entender que a lixiviação nem sempre proporciona recuperação. Às vezes, se a causa não for eliminada, os plugues podem se formar novamente.

  • A causa mais comum é a higiene inadequada do ouvido. Por exemplo, você pode empurrar o enxofre formado ainda mais para dentro do canal auditivo ou ferir tecidos moles com um objeto duro e improvisado.
  • Um culpado frequente na formação de grupos de enxofre é a inflamação (comum em crianças). A otite e outras doenças alteram a acidez do meio e aumentam a viscosidade das secreções.
  • A formação de tampões também pode estar associada a características determinadas geneticamente. Por exemplo, em alguns pacientes, muito mais enxofre é liberado e, às vezes, apresenta uma consistência mais densa. Os fatores de risco incluem características estruturais do conduto auditivo (em algumas pessoas, pode ser mais complicado), a presença de um grande número de cabelos que impedem a descarga da descarga.
  • Água frequente no canal auditivo. Este problema é frequentemente enfrentado por nadadores e mergulhadores. A umidade, ao penetrar no ouvido, causa inchaço no ouvido. Tais situações são perigosas porque, entre a formação de enxofre e o tímpano, a umidade se acumula, o que cria condições ideais para a rápida multiplicação de bactérias patogênicas.
  • A formação de engarrafamentos contribui para uma longa permanência em condições de queda de pressão atmosférica.
  • Os fatores de risco incluem a idade, porque na velhice o segredo do ouvido se torna mais viscoso, o crescimento do cabelo no canal auditivo é ativado, mas os pacientes costumam ter problemas de higiene.
  • O trabalho associado à permanência em uma indústria empoeirada também pode provocar a formação de cortiça, porque o enxofre é uma substância viscosa à qual as partículas de poeira aderem facilmente.
  • Os fatores de risco incluem um aumento no colesterol no sangue, uma vez que essa patologia aumenta a quantidade de enxofre liberada e ativa o crescimento do cabelo nos ouvidos.
  • Algumas doenças de pele, incluindo dermatite, psoríase e eczema, podem afetar a pele do ouvido externo e do canal auditivo, dificultando a remoção do enxofre.

Variedades de tampões sulfúricos

Tais formações podem ter uma estrutura, consistência e cor diferentes:

  • as rolhas pastosas têm consistência macia e cor amarela,
  • tipo plasticina são caracterizados por uma textura mais densa e uma cor marrom escura,
  • formações de orelha dura praticamente não contêm água (sua cor pode ser marrom escura, às vezes até preta),
  • os tampões epidérmicos, que consistem em enxofre e partículas epidérmicas e têm uma cor cinza característica, são distinguidos como um grupo separado.

O médico toma uma decisão sobre como obter o tampão auricular, com base em informações sobre sua consistência e composição. Nesse caso, as características do quadro clínico e dos dados de diagnóstico são extremamente importantes.

Tampão para os ouvidos: sintomas em adultos e crianças

Obviamente, muitas pessoas estão interessadas nas características do quadro clínico. Então, como o plugue do ouvido aparece? Os sintomas em adultos (assim como em crianças) não aparecem imediatamente, porque a formação de enxofre cresce gradualmente. Como regra, as violações aparecem se a cortiça obstrui completamente o canal auditivo. Às vezes, os sintomas estão associados à entrada de água no ouvido, porque os depósitos de enxofre incham pela umidade.

Primeiro de tudo, há uma diminuição significativa na audição, às vezes até sua perda completa. Muitos pacientes se queixam de ruído intermitente no ouvido, uma sensação constante de congestão. Às vezes, uma pessoa começa a ouvir o eco de sua própria voz durante uma conversa. Pode haver uma sensação de ter um corpo estranho no ouvido - as crianças pequenas geralmente tentam extrair algo.

No caso em que a cortiça pressiona o tímpano, outras violações aparecem. Os sintomas incluem bocejo frequente, tontura e enxaqueca. Alguns pacientes se queixam de náusea que ocorre durante uma viagem de transporte. A formação de um tampão para os ouvidos pode causar um distúrbio por parte do sistema cardiovascular. A lista de sintomas pode ser reabastecida com ataques de tosse e coordenação prejudicada. Isso acontece devido à pressão nas terminações nervosas.

Medidas de diagnóstico

Se você encontrar sinais de um plugue auricular, entre em contato com o otorrinolaringologista. Confirmar a presença da educação é bastante simples - será suficiente otoscopia padrão. O médico examina o ouvido usando um funil de metal especial e um dispositivo de luz. Se houver necessidade de inspecionar o conduto auditivo sem remover o tampão sulfúrico, é utilizada uma sonda de botão.

Estudos adicionais são realizados apenas se você precisar descobrir a causa da formação de engarrafamentos.

Lavagem de cera

Como limpar ouvidos de tampões de enxofre? O seu médico lhe dirá sobre isso. Na maioria dos casos, os pacientes são aconselhados a "lavar" os depósitos de enxofre. O procedimento não leva muito tempo, é indolor, mas ainda não muito agradável.

O paciente está sentado em uma cadeira, virando a orelha afetada para o médico. O ombro do paciente é coberto com uma película protetora, após a qual uma bandeja especial é colocada nela. Para a lavagem, é usada uma solução quente e estéril. O procedimento é realizado usando uma seringa grande sem agulha. Introduzindo a ponta da seringa, o médico injeta suavemente a solução ao longo da parede superior do canal auditivo - o enxofre sai junto com o medicamento para lavagem.

Gotas para os ouvidos e suas características

Em alguns casos, não é possível lavar a formação do ouvido - primeiro você precisa suavizar os depósitos de enxofre. Nesses casos, são usadas gotas especiais de tampões de enxofre.

  • O Remo-Vax é considerado bastante eficaz, disponível na forma de uma solução. A alantoína está presente em sua composição, o que contribui para a diluição e a lixiviação do enxofre do canal auditivo. A propósito, o medicamento também é amplamente utilizado para evitar a formação de engarrafamentos nos ouvidos.
  • Outro bom remédio são gotas de A-Tserumen. Este medicamento dissolve ativamente as acumulações de enxofre, mantendo o volume do tampão auricular, impedindo o inchaço e o aumento.
  • Para lavar e amaciar formações de enxofre, são usadas as gotas Klin-Irs, que contêm azeite.
  • Peróxido é amplamente utilizado. A solução ajuda a se livrar dos tampões para os ouvidos, mas apenas se a formação de enxofre for pequena e o paciente não sofrer de dermatite e outras doenças de pele.

Você não pode usar esses medicamentos por conta própria. Amolecer os protetores auriculares é um procedimento sério e somente um médico pode escolher o remédio certo.

Remoção de cortiça seca

Em todos os casos, a cortiça não pode ser lavada. Por exemplo, na otite média perfurada, o uso de gotas e soluções é contraindicado, pois o líquido através do tímpano danificado pode entrar em outras partes do analisador auditivo, repleto de consequências perigosas até a surdez completa. Em tal situação, o médico pode remover cuidadosamente a formação de enxofre usando uma sonda especial.

Tampões de enxofre nos ouvidos: como removê-lo você mesmo?

Nem sempre é possível consultar imediatamente um médico. O que fazer se você tiver tampões sulfúricos nos ouvidos? Como remover esses clusters por conta própria? Para começar, vale dizer que nem sempre vale a pena tentar fazer algo em casa. Um procedimento semelhante é possível apenas se não houver febre e dor no ouvido e estamos falando de um adulto.

Poucos dias antes do procedimento, vale a pena começar a amolecer a cortiça usando uma solução de peróxido de hidrogênio ou gotas especiais. Para lavar o ouvido, você precisa de uma seringa Janet (você pode usar uma seringa comum de 20 ml). Você pode usar água fervida, mas é melhor comprar uma solução salina estéril ou uma solução furatsilina na farmácia.

A aurícula precisa ser puxada para cima e para trás - para que você possa endireitar o canal auditivo. Uma corrente de fluido deve ser direcionada para a parede superior do canal auditivo. Verifique cuidadosamente se o fluxo não é muito forte. Lembre-se de que o procedimento não deve ser acompanhado de dor; se sensações desagradáveis ​​aparecerem, você precisará parar imediatamente. Você não poderá obter o efeito de uma só vez, mas, após várias abordagens, é bem possível lavar a cortiça.

Se essas manipulações não trouxeram resultados, é melhor consultar um médico.

Possíveis complicações

Na maioria dos casos, o problema é bem tratável. Mas se você estiver interessado na questão de como remover o protetor auricular em casa, deve entender que a lavagem inadequada é repleta de consequências perigosas. A manipulação inadequada pode levar a danos à integridade do canal auditivo ou à perfuração do tímpano. Outras complicações incluem surdez e inflamação. Devido aos efeitos reflexos, é possível o desenvolvimento de taquicardia e outros distúrbios do ritmo cardíaco, até uma parada cardíaca completa.

As complicações são possíveis mesmo após a remoção adequada do tampão de enxofre. Por exemplo, alguns pacientes desenvolvem otite média crônica do canal auditivo externo, estenose do canal externo e processos inflamatórios em outras partes do analisador auditivo. Algumas pessoas se queixam de dor, coceira e queimação, que geralmente se espalham pela cabeça, pescoço e ombros.

Separadamente, vale a pena mencionar os efeitos reflexos nos quais há uma interrupção na operação de sistemas orgânicos distantes. Sua lista inclui enxaquecas crônicas, constipação, dor abdominal, azia, arritmias. Segundo as estatísticas, essas complicações raramente são registradas. No entanto, se ocorrer alguma deterioração, você deve consultar um especialista.

Medidas preventivas eficazes

Às vezes, é muito mais fácil impedir o desenvolvimento da doença do que mais tarde se interessar pela questão de como remover o protetor auricular em casa. A melhor prevenção é considerada uma higiene adequada. Ушной хрящ можно мыть ежедневно теплой водой, аккуратно промокнув после этого наружное отверстие слухового прохода ватным тампоном. А вот чистить уши более тщательно рекомендуется не боле 1-2 раз в неделю.Para esse fim, os especialistas recomendam o uso de cotonetes especiais com limitador, movendo-os não para cima e para baixo, mas em círculo.

Os trabalhadores empoeirados são aconselhados a proteger seus ouvidos. Se você pertence a um grupo de risco (você está em condições de alta umidade, trabalha com poeira, muitas vezes precisa falar ao telefone e usar fones de ouvido), periodicamente é necessário usar colírios A-Tserumen para prevenção.

O que é cera

A cera é uma substância natural produzida nos ouvidos de todos os mamíferos, e o homem não é exceção. Acredita-se amplamente que isso indique impureza, mas essa é uma opinião incorreta, pois é o enxofre que mantém os canais auditivos limpos.

Como ela consegue fazer isso? Ele filtra partículas de detritos, poeira e produtos químicos, como xampus. Com este método, protege os ouvidos de doenças infecciosas.

Sabe-se que o canal auditivo é "final", ou seja, as células mortas não podem ser removidas por erosão. O enxofre permite que você resolva esse problema, pois é produzido pelas glândulas sebáceas e contém colesterol.

Causas da formação de tampão de enxofre

De acordo com as estatísticas compiladas pelos médicos pesquisadores, são identificadas duas razões principais que afetam a formação de uma cortiça composta por enxofre. Estes incluem:

  • Formação excessiva de enxofre.
  • Características anatômicas individuais da passagem.

Frequentemente, as pessoas causam a formação de cortiça, causada pela preocupação excessiva com os ouvidos limpos. Excesso é a causa do efeito oposto. Sabe-se que a principal tarefa do enxofre é proteger o ouvido interno. As constantes manipulações associadas à sua purificação se tornarão um sinal para o corpo, após o qual essa substância natural será secretada em volume duplo, e às vezes triplo. O sinal é dado porque o enxofre serve como componente protetor, sem o qual o canal auditivo permanecerá desprotegido.

O uso constante de cotonetes como um meio de limpar a aurícula se torna a razão pela qual o enxofre se torna mais denso e "se move" para a parte interna da passagem. Após um período de tempo após esses procedimentos de limpeza, um tampão denso se forma. De acordo com a estrutura anatômica do ouvido, ele é projetado para que o excesso sulfúrico possa ser removido independentemente (por exemplo, quando uma pessoa come comida ou pronuncia palavras). É por isso que nossa tarefa é manter limpa apenas a parte externa, e tentar penetrar profundamente no corredor pode causar rolha.

Outros fatores que causam seu desenvolvimento são:

  • Várias doenças (por exemplo, exame)
  • Altas partículas de poeira e detritos no ar,
  • O uso constante de fones de ouvido
  • Uso regular de aparelhos auditivos.

Sintomas da cortiça de enxofre

A formação de cortiça de enxofre é acompanhada por uma série de sinais característicos. Estes incluem:

  • Congestão do ouvido - esse sentimento não passa especialmente após o sono ou a realização de procedimentos aquáticos,
  • Barulhos frequentes
  • Sensação de dar minha própria voz
  • O início de processos inflamatórios causados ​​pelo bloqueio da passagem.

Tudo isso se refere a sintomas específicos, mas a cortiça pode causar outros sintomas. Estes incluem tosse, náusea, tontura grave e dor no coração.

Atenção! Freqüentemente, um excesso de enxofre não se faz sentir; portanto, uma diminuição na capacidade auditiva ocorre gradualmente e continua até uma pequena folga.

O que não pode ser feito ao remover o plugue

O autotratamento de protetores auriculares é bem-vindo apenas nos casos em que a confiança no diagnóstico é de 100%. Caso contrário, o tratamento iniciado pode causar deficiência auditiva, perda de audição e desconforto.

Ao descartar uma cortiça, é estritamente proibido:

  • Use objetos pontiagudos, como palitos de dente,
  • Contra-indicação é diabetes
  • Perfuração do tímpano,
  • É proibido realizar tratamento para inflamação da aurícula.

Também é importante notar que a remoção com um cotonete faz com que entre no interior do canal auditivo. Isso agravará a situação e causará dor.

Como se livrar da cortiça de enxofre em casa

A formação de cortiça sulfúrica deve ser evitada, mas se ela já existir, o tópico de se livrar dela deve ser abordado corretamente. A opção mais eficaz é entrar em contato com um médico otorrinolaringologista. As exceções são situações em que você tem certeza de que a causa dos sintomas é o tampão sulfúrico e pode tentar se livrar dele.

É importante que, ao remover a cortiça, você adira ao algoritmo estabelecido, caso contrário o tratamento não mostrará resultados. Procedimento

  1. O primeiro passo é amolecer o caroço de enxofre. Para esses fins, é necessário preparar uma pipeta, cotonete e amaciante (você pode usar glicerina ou óleo vegetal, menos frequentemente usado peróxido de hidrogênio). Você precisa aquecer cinco gotas do produto em suas mãos e, em seguida, coloque-o no ouvido localizado na parte superior (é necessário inclinar a cabeça). Enterrando o produto, os dedos da outra mão precisam puxar as bordas da aurícula. Após a conclusão do procedimento, um tampão deve ser colocado na passagem.
  2. No estágio seguinte, o tampão de enxofre deve ser lavado, para o qual são necessárias uma seringa e três por cento de peróxido de hidrogênio. Este procedimento é realizado na manhã seguinte. O enxágue deve ser realizado deitado de um lado, de modo que a orelha esteja localizada acima. O canal auditivo deve ser preenchido com um meio até ser transfundido. Isso completa a descarga, mas nessa posição você precisa permanecer por mais quinze minutos.
  3. A etapa final envolve a disposição final do acúmulo de enxofre. Isso requer uma corrente de água quente sob pressão, para a qual uma mangueira de chuveiro pode ser usada (remova a água de pulverização do bico primeiro). A lavagem deve ser iniciada a uma curta distância, aproximando-se constantemente da orelha.

  • O primeiro passo é suavizar a cortiça antes de dormir,
  • Para sua remoção completa, pode ser necessário várias vezes
  • Se, após 3-4 abordagens, o alívio não for concedido, vale a pena entrar em contato com especialistas.

Para se livrar da cortiça sulfúrica, é recomendável usar métodos alternativos. São ferramentas comprovadas que permitem remover a cortiça em pouco tempo sem visitar o hospital. Vamos considerá-los com mais detalhes:

  1. O óleo de amêndoa é um excelente remédio. Para o tratamento, serão necessárias cerca de sete gotas, que devem ser aquecidas antes do uso.
  2. Suco de cebola cozido refere-se a métodos eficazes. Para se livrar da cortiça, são necessárias quatro gotas, após as quais um tampão pré-lubrificado com vaselina é colocado no canal auditivo.
  3. Duchar com água e sal é uma das técnicas mais usadas. Para fazer isso, você precisa de 50 ml de água à temperatura ambiente, na qual é necessário diluir uma colher de chá de sal.

Se o tampão de enxofre for muito denso, sua remoção será realizada por um médico. O procedimento ocorre de duas maneiras - pelo método a seco ou lavando a passagem externa usando ferramentas especiais.

Produtos farmacêuticos para tampões para os ouvidos

Para se livrar da cortiça de enxofre, você pode recusar o uso de receitas populares escolhendo produtos farmacêuticos. São prescritas gotas se as vedações tiverem uma consistência sólida. Usado por:

  1. Peróxido de hidrogênio com concentração de 3%. Os pedaços de enxofre amolecidos por ele serão expulsos por conta própria.
  2. Remo-Cera. Essas gotas são prescritas para uso duas vezes por mês. É proibido usá-los para dor, secreção de líquidos ou defeitos na membrana. Gotas impedem a limpeza permanente dos canais auditivos com cotonetes.
  3. A-Tserumen. Essas gotas são prescritas para remover as vedações no canal auditivo e também podem ser usadas como medida preventiva. A duração do uso do produto não é limitada.
  4. Auro ou Drops - gotas que permitem dissolver o tampão do ouvido. Eles são nomeados de acordo com as instruções. A substância ativa é o peróxido de carbamida.

Prevenção de plugues de ouvido

Como observado acima, a cortiça sulfúrica é frequentemente a causa da limpeza inadequada dos ouvidos; portanto, a familiaridade com os princípios básicos da higiene dos ouvidos será a principal medida preventiva:

  • A remoção da cera do ouvido é necessária apenas na aurícula,
  • Permitido limpar a abertura do canal auditivo por fora,
  • Se você suspeitar da formação de um plugue de ouvido, deve consultar imediatamente um médico.

Um médico otorrinolaringologista examina o canal auditivo, que revela um excesso de enxofre. Quando o diagnóstico é aprovado, é realizada uma limpeza profissional. Recomenda-se passá-lo regularmente para pessoas que sofrem de crescimento excessivo de pelos no corredor, bem como para proprietários de dispositivos que restauram a função auditiva.

Muitas vezes, a cortiça de enxofre aparece devido a doenças inflamatórias, pelo que o seu tratamento deve ser feito em tempo hábil. Uma das medidas preventivas é o tratamento de dermatite e eczema. Para evitar a formação de cortiça, é necessário monitorar constantemente o nível de colesterol no sangue.

Os tampões de enxofre devem ser removidos imediatamente quando detectados, caso contrário, as consequências podem ser tristes. O médico conduzirá o procedimento corretamente, aliviando os sintomas, mas o selo pode ser curado por si próprio. Para esta ação, é necessário realizar regularmente, sem negligenciá-los. Depois de se livrar da cortiça, recomenda-se prestar especial atenção às medidas preventivas para evitar recaídas.